AD (728x90)

Sexo com um (a) deficiente não é sexo com Deficiência.




As pessoas “normais” sempre tiveram curiosidades em saber como é o sexo com uma pessoa deficiente. Mesmas aquelas que por preconceito se negam a dizer e aceitar esse fato.

Nas conversas e nos olhares com amigas, percebo que querem perguntar algo, mas deixam passar a chance de saberem. As pessoas “normais” e os deficientes não podem e não devem esquecer que o prazer não está ligado diretamente às posições e sim a satisfação de estar com alguém que se gosta. Sexo por sexo envolve uma gama de situações, tais como: posicional, beleza estética e corporal, curiosidade de sentir como é, etc...
Isso faz parte, se é bom ou ruim só os “personas” é que podem responder.

A realidade é nua e crua tanto para os deficientes quanto para os “normais”: Tem curiosidade e vontade pergunte e faça. Não julguem sem provar. Sabor da fruta só sentimos se provarmos.
Muitos “normais” deixam de conhecer a verdade, porque confundem posições com prazer. É claro que a posição muitas vezes dá um toque de sensualidade, mas na hora do orgasmo, não existe posição, beleza, físico e preconceito. Orgasmo é um sentimento de satisfação plena, muitos fazem, poucos sentem de verdade. Os que sentem esse prazer é porque se entregam em alma e não em corpo. O corpo é matéria, então é apenas um instrumento para que as almas possam se encontrarem e elas não têm preconceito.

Um abraço a todos.

Escrito por

Um blog que discutirá sobre um assunto que encontra-se esquecido por grande parte da sociedade, "DEFICIENCIA"

0 comentários:

Postar um comentário

 

© 2011/2017 Tetraplégicos Online. Todos os direitos Reservados. Siga-nos Nas redes Sociais